Golfinho-Beiji

Golfinho-Beiji

Nome Cientifico: Lipotes vexillifer

Características: Pouco se sabe sobre o beiji , pois poucos espécimes foram examinados e é um animal difícil de estudar na natureza (um único macho captivo, chamado Qui-Qui, constitui desde 1980 uma fonte de informação crucial).

Assusta-se com facilidade e é de difícil aproximação por barco (dá um mergulho profundo, debaixo de água muda de direcção, nada por baixo do barco e emerge mais atrás).

Visto por vezes na companhia de botos do Índico, tem auge de actividade no início do fim da tarde até de manhã cedo.

Pensa-se existirem ao todo 40 a 45 grupos separados no rio Yangtze, China; mas apesar da protecção legal desde 1949, a população de beijis continua a decair. É provável que seja o cetáceo mais ameaçado.

Barbatana Caudal

Comportamento: Sopro difícil de ver, mas soa como um espirro agudo e pode ser ouvido de perto.  

Não é fácil de ver quando a água está agitada.  

Durante períodos activos, nada rapidamente com grandes mudanças de direcção e estilo (muitas vezes sobre o dorso ou flanco) e dá mergulhos repetidos e curtos. Outras vezes nada lenta e vagarosamente (em geral numa direcção) dando menos mergulhos e mais lentos.  

É típico respirar várias vezes com intervalos curtos seguidos por um mergulho mais comprido.  

Descansa muitas vezes em águas profundas afectadas pelo refluxo, ficando muitas vezes no mesmo lugar durante 5 a 6 horas.

Distribuição: Surge ao longo de 1700 km do rio Yangtze, China, apesar de ser muito raro acima de Zhicheng e abaixo de Nanjing. Mais comum desde Luoshan até Xintankou, e desde Anquing até Heishazhou.

Encontrado sobretudo onde os afluentes confluem com o rio, sobretudo imediatamente acima ou abaixo de bancos de areia e ilhotas.

Quando se alimenta, pode aproximar-se da costa e é frequente caçar em bancos de areia baixos. Raramente encontrado em áreas sem bancos de areia. Outrora surgia nos lagos Dongting e Poyang durante as cheias da Primavera, mas os níveis da água já não são suficientemente altos.

Pode migrar em conformidade com os níveis da água.

Podem ver-se animais semicativos em reservas naturais perto de Tongling e Shi-shou.

Alimentação: peixe.

Pagina Anterior